Rio Grande
35 9 9725-8252
35 3521-3509

Qual o tamanho de uma mini vaca?

Por Rio Grande 11/05/2021
Compartilhe

A mini vaca está aí para provar que tamanho não é documento. Esse pequeno bovino consome menos que um animal de grande porte, porém é capaz de ter uma produção de leite considerável, sendo, portanto, uma escolha interessante para os pequenos produtores leiteiros.

Já pensou em otimizar o seu rebanho com a mini vaca? Siga a leitura e entenda mais sobre ela!

Quantos litros de leite produz uma mini vaca?

A produtividade de uma mini vaca pode ser comparada à de uma vaca de porte normal, em geral, produzindo em torno de 8 a 10 litros de leite por dia. Uma média comum para esse tipo de animal.

De qualquer forma, independentemente de você contar com uma mini vaca ou uma vaca normal, a alimentação e o manejo são cruciais para obter bons resultados.

Normalmente, as mini vacas contam com uma seleção genética a partir de raças com potencial leiteiro. Quando isso se soma ao manejo adequado e a uma nutrição bem feita, o resultado é uma produção leiteira maior.

Qual o tamanho de uma mini vaca?

A mini vaca é aquela que tem o gene dominante do ananismo. Por isso, normalmente, ela não ultrapassa os 1,10 m de altura – e o peso varia de 150 a 200 kg.

A puberdade ocorre a partir de 1 ano e meio de idade e o leite dessas vaquinhas contam com propriedades interessantes, como menor índice de gordura (em torno de 5%) quando comparado a de outras vacas.

Apesar do tamanho médio, algumas mini vacas podem ser ainda menores, como é o caso da Princesinha, a menor vaca do Brasil, que tem apenas 60 centímetros e pesa cerca de 40 kg.

Quais as vantagens da mini vaca para o produtor rural?

Para o pequeno produtor rural, as mini vacas são excelentes opções. Como são menores, elas também exigem custos reduzidos de manejo. Quando comparada uma vaca holandesa, por exemplo, o custo de produção se torna muito menor, já que as vacas comem em torno de 10% do seu peso.

Então, uma vaca mais pesada, consumirá mais. Já uma mini vaca que pese em torno de 150 a 200 kg, consumirá em torno de 15 a 20 kg de alimentos, o que significa uma excelente economia para o produtor.

Outro ponto interessante é que, por serem animais menores, mesmo quem tem pouca área livre poderá se beneficiar dessas mini vacas. Se você tiver uma pastagem, ao invés de contar com 2 vacas de grande porte, por exemplo, poderá ter até 5 mini vacas, com uma produção tão boa quanto as vacas maiores.

Os preços da mini vaca variam. É possível comprar um terneiro por R$ 1,5 mil. Já um animal adulto pode chegar a até R$ 3 mil. Esses valores são praticamente a metade de uma vaca de grande porte. O produtor interessado na técnica de inseminação artificial ainda consegue adquirir o sêmen ao preço de R$ 40 a dose.

Quanto tempo vive uma mini vaca?

A idade média de uma mini vaca varia muito, dependendo da raça. Em geral, os mini animais vivem por mais tempo. 

A vida média de uma mini vaca é de 25 a 30 anos – e o temperamento desses animais também costuma ser mais dócil.

Como criar mini bovinos?

Para quem tem pouco espaço na propriedade, mas deseja criar bois e vacas, os mini bovinos são excelentes opções. Embora pequenos, eles apresentam forma, força e robustez para exercer trabalhos comuns às atividades do campo.

Os mini bois são capazes de realizar serviços de tração de cargas leves e as mini vacas podem participar da sua produção leiteira, além de gerarem bezerros para a comercialização. Com seis meses de vida, período em que são desmamados, os bezerros já podem ser vendidos para outras criações de mini animais, fazendinhas ornamentais, chácaras e sítios.

Como são compactos e mais dóceis, os mini bovinos são muito usados como entretenimento em hotéis-fazenda e áreas de turismo rural, principalmente em contato com as crianças que passam a aprender como manejar, cuidar e respeitar esses animais.

Os mini bovinos ainda contam com a vantagem de serem fáceis de cuidar. Eles gostam de pastar soltos, mas, se for o caso de serem colhidas em piquetes, não é preciso que essa área seja muito grande. Sem ocupar muito espaço, os abrigos dos mini animais devem contar com baias, bebedouros e comedouros.

A alimentação, embora demande menos quantidade por cabeça, precisa ser balanceada, com nutrientes e minerais básicos, como forragens e suplementos, garantindo a saúde, a energia e a boa produção leiteira das mini vacas. Não se esqueça dos medicamentos preventivos e das vacinas, para evitar problemas na sua criação.

Formação do rebanho

Para iniciar a sua criação, forme o rebanho como mini bovinos de qualidade, livre de doenças e com bom aspecto, sempre adquirindo de produtores com referência. Embora esses mini animais sejam rústicos e fáceis de adaptar, inclusive podendo dormir ao relento, é indicado a construção de um abrigo para que eles possam ficar mais bem acomodados e protegidos contra sol e chuva.

O local do abrigo deve ser bem ventilado e com luminosidade adequada. Uma cocheira de 4 metros por 4 metros, por exemplo, consegue acomodar dois mini bois.

Sempre forneça água limpa e fresca e alimentação de qualidade para suas mini vacas, além do acompanhamento do veterinário, para correta vermifugação e manejo.

Reprodução das mini vacas

A fase de reprodução das mini vacas, em geral, tem início aos 2 anos de idade e, com o manejo correto, pode se estender por até os 30 anos de idade. Para proteger a genética, recomenda-se o cruzamento com mini touros. São nove meses de gestação e seis de amamentação. 

Após dois meses, a fêmea já pode voltar a procriar. Exceto em casos raros, o mais comum é que aconteça um parto anual com apenas um filhote.

Gostou de conhecer mais sobre as mini vacas? Já pensou em começar a sua produção leiteira com essas vaquinhas? Ajude seus amigos a otimizarem a produção de leite, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais para que eles também conheçam os benefícios de criar mini vacas! 

Receba nossos conteúdos

Veja Também

ATENDIMENTO ÁGIL E COMPROMISSO COM O CLIENTE DESDE JUNHO 2012.
RECEBA NOVIDADES
EM SEU E-MAIL
Rodovia MG-050, nº 33 (Pista Lateral com sentido á Itaú de Minas)
Passos - MG
CEP.: 37.902-538
  • 35 3521-3509
  • 35 9 9725-8252
  • © 2016 RIO GRANDE NUTRIÇÃO E SAÚDE ANIMAL . TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.